Categorias
Exercícios Saúde

Top 10 – Músicas Para Turbinar Seus Treinos

Muitas pessoas associam bons momentos da vida a alguma música. A musica serve para muitas pessoas como uma motivação e descontração em situações difíceis.

A atividade física exige bastante do ser humano sendo um momento cansativo, ao qual muitas pessoas dedicam um tempo logo a pós o trabalho diário para realiza-la.

Ouvir uma boa música enquanto pratica uma atividade física é capaz de gerar um gás a mais em seus treinos.

Existem muitas plataformas com playlist voltadas para atividade física. Aplicativos como o Deezer, Spotify etc, podem lhe proporcionar momentos maravilhosos durante sua atividade de musculação.

Criamos logo abaixo as musicas mais ouvidas durante os treinos físicos. Fique a vontade para compartilhar qual musica ou ritmo você gosta de ouvir enquanto treina.

  1. Drake – “One Dance”
  2. Calvin Harris – “This Is What You Came For”
  3. Gusttavo Lima – “Milu”
  4. Mike Posner – “I Took A Pill In Ibiza – Seeb Remix”
  5. Rihanna – “Work”
  6. Tinashe All – “Hands On Deck – Giraffage Remix”
  7. Jonas Blue – “Fast Car – Radio Edit”
  8. Rihanna – “Bitch – Better Have My Money”
  9. Luan Santana – “Quando a BAD Bater”
  10. The Chainsmokers – “Don’t Let Me Down – Hardwell & Sephyx Remix”

Essas músicas com certeza irão turbinar seus treinos.

Categorias
Exercícios

6 Dicas Que Irão Forçar Você a Acabar Com o Sedentarismo

O sedentarismo é considerado uma doença e acontece quando a pessoa gasta poucas calorias diárias com qualquer tipo de atividade física. Para sair da classificação do sedentarismo, o ser humano precisa gastar 2.200 calorias por semana. Um dos principais motivos dessa doença estar crescendo cada vez mais é, com certeza, a modernidade, pois o conforto acabou tomando conta das pessoas. Para começar a praticar exercícios físicos e evitar o sedentarismo, aqui estão algumas dicas:

1- Faça uma avaliação médica
Essa é a melhor maneira para descobrir os limites do seu próprio corpo e quais exercícios você poderá realizar. Também é essencial fazer uma avaliação física, pois é por meio desta que é possível determinar a porcentagem de sua gordura corporal e, assim, ter uma ideia de sua resistência e alongamento.

2- Comece por atividades de baixo impacto
Lentas e eficientes, essas atividades queimam calorias, melhoram o condicionamento físico e trabalham a musculatura do corpo sem sobrecarregar articulações e ossos. Uma das atividades mais conhecidas para iniciantes é o alongamento, que melhora a amplitude dos movimentos e a flexibilidade da musculatura.

3- Escolha um exercício que te dê prazer
Exercícios físicos não são resumidos apenas em esteira e musculação. Então, se a academia não te atrai, você pode optar por fazer outras atividades, como esportes coletivos, ginástica ou circuito. O importante é buscar algum exercício que consiga equilibrar as necessidades do seu corpo de acordo com suas preferências, pois não há nada mais motivador do que fazer o que te dá prazer.

4- Respeite seus limites
Antes de pegar pesado nos exercícios, tenha certeza de como está o seu condicionamento físico, para não sofrer lesões. Pegar muito peso de uma vez só ou caminhar distâncias muito longas só faz com que dores nos músculos e nas articulações apareçam e te prejudiquem.

5- Aumente a intensidade aos poucos
O aumento da dificuldade e intensidade do treino é um desafio que ajuda o seu corpo a ganhar condicionamento e isso só te ajuda a sair do sedentarismo de maneira correta e saudável. Um aumento de velocidade, aumento de carga, redução do intervalo entre exercícios ou aumento no número de repetições são as mudanças mais comuns.

6- Faça alongamento e aquecimento
Esses minutinhos gastos para aquecer e alongar são essenciais para informar o próprio organismo sobre o que deve ser priorizado no momento. O aquecimento eleva a frequência cardíaca e prepara o corpo para o exercício físico. O alongamento, por sua vez, estimula a liberação do líquido sinovial, que lubrifica as articulações e ajuda a prevenir lesões.

Gostou das Dicas para acabar com Sedentarismo? Deixe seu comentário!