leite de soja não contem colesterol, tem baixo teor de gordura e é extremamente saudável.

Uma das principais razões para o declínio do consumo do leite de vaca é o fato dele conter colesterol e uma grande proporção de gorduras saturadas. O leite de soja contem apenas 1/3 da gordura do leite de vaca e a maioria dela não é saturada e é rica em polinsaturados  lecitina e ácido linoleico que ajuda na dispersão de gorduras turadas que tendem a obstruir a corrente sanguínea.  No Oriente, o leite de soja é usado na prevenção e tratamento de doenças cardiovasculares e endurecimento das artérias, anemia (devido ao seu teor de ferro), diabetes (devido ao seu baixo teor de amido) e para caso pós operatório por não causar gases. O leite de soja contem 12 % menos calorias do que o leite de vaca. Ele também contem fitoestrogênio que é um tipo de hormônio natural vegetal que age no organismo como hormônio natural estrogêneo ajudando na redução de sintomas associados com a menopausa, osteoporose (pois o fitoestrogênio retém cálcio nos ossos), na redução de colesterol no sangue e na prevenção e tratamento de muitos tipos de câncer fornecendo ao organismo a quantidade adequada de proteínas, carboidratos, vitamina E e vitaminas do complexo B, Ômega 3, ácidos graxos e muitas outras vitaminas e minerais.

Consumo diário de soja serve para prevenção de doenças do coração?

Em1999, o FDA (Food and Drugs Administration, agência que regulamenta o comércio de alimentos e medicamentos nos Estados Unidos) emitiu um documento para oficializar o potencial terapêutico da soja na prevenção de doenças do coração. O FDA se baseou em estudos científicos realizados por pesquisadores de diversas universidades, institutos de pesquisa, hospitais-escola e pela Associação Americana do Coração (AHA). Esses estudos demonstraram que a ingestão diária de 25 gramas de proteínas de soja ( cerca de 60 gramas de grãos ou farinha de soja) reduzem significativamente as taxas do colesterol sangüíneo total, do LDL-colesterol e, também, aumentam os valores de HDL presentes no sangue, reduzindo assim os riscos de doenças cardiovasculares, como o infarto, a trombose e a aterosclerose.

Há alguma contra-indicação ao consumo diário de soja?

Como é um alimento, a soja pode ser consumida diariamente, sem limite de quantidade. No caso de consumo da farinha integral (kinako), sugere-se a ingestão de pelo menos duas colheres de sopa por dia, que podem ser misturadas ao leite, ao iogurte, às frutas picadas, a sucos e vitaminas, por exemplo.

Postagem Relacionadas: